Em busca de maior segurança, agências bancárias da Nigéria contrataram empresas brasileiras de blindagem para realizarem serviços em bancos do país. Entre elas, a VAULT, companhia especializada em Blindagem Arquitetônica e Sistemas Integrados de Segurança, responsável por um projeto com orçamento de cerca de US$ 150 mil e com tempo de execução de dois meses.

Neste caso específico, a obra era composta de aço e vidro blindados com proteção Nível III, resistente a tiros de fuzil AR-15 ou AK-47, esses escudos ficam posicionados em frente aos seguranças das agências bancárias e garantem maior proteção em caso de tentativa de assalto, além de inibir os criminosos.

Considerado o país mais populoso da África, a Nigéria tem cerca de 160 milhões de habitantes. Apesar de seu subsolo ter uma das maiores reservas de petróleo do mundo, o país tem baixíssimo nível de qualidade de vida, com sistema bancário muito precário em que não há utilização de talão de cheque, tampouco cartão de crédito.

A economia é movimentada, basicamente, por meio de dinheiro vivo. Por conta do grande volume de dinheiro em circulação no país, os bancos nigerianos identificaram a necessidade de investir fortemente em sistemas de segurança para o transporte de valor e para a proteção das próprias agências bancárias.

“Este projeto para os bancos nigerianos foi um importante passo para iniciarmos exportações para outros países”, afirma Vinicius de Luca, diretor da VAULT.

Características das paredes e dos painéis blindados

A blindagem de paredes e painéis é importante para proteger as pessoas que moram ou trabalham em estabelecimentos queestão localizados em regiões consideradas de risco.

A blindagem de paredes e painéis também é utilizada para preservar a integridade arquitetônica destes locais que possuem riscos de perdas patrimoniais.

Em alguns casos, indica-se a blindagem de fachadas inteiras de prédios residenciais e comerciais, otimizando a segurança dos mesmos.

Caso a blindagem das paredes seja feita em um empreendimento já existente, as paredes a serem blindadas são reforçadas com uma nova camada de alvenaria, com chapas internas de aço inoxidável.

Fonte: jb.com.br